Coleção
Capa

QUE BICHO ESTÁ NO VERSO?

de Adriano Messias

 

Sinopse do livro

Neste livro divertido e criativo, Adriano Messias oferece ao leitor uma série de adivinhas poéticas, que brincam com a aparência física de vários bichos e a maneira como eles “se vestem”. A resposta para cada adivinha se encontra sempre no verso dos versos. Com as belíssimas ilustrações de Cris Eich, Que bicho está no verso? proporciona ao leitor uma rica experiência estética, estabelecendo uma relação muito feliz entre texto e imagem.

 

Biografia do autor

Toda criança gosta de rimas e adivinhas. Neste livro, eu brinquei com as palavras, para deixar ao leitor a possibilidade de imaginar diversos bichos, ver e rever o jeito de cada um, suas diferenças e a maneira engraçada de se comportarem. Sou escritor de obras infantojuvenis e também jornalista e tradutor. Nasci em Minas Gerais e resido hoje em São Paulo, capital, onde ministro oficinas literárias.

 

Ficha técnica

 

Proposta de trabalho

 

ANTES DA LEITURA


1. Convide as crianças para participarem de um jogo. Primeiramente, cada um deve pensar em um animal, na sua aparência, no lugar onde vive, nos alimentos dele, nas suas cores, entre outros aspectos. Depois, os alunos devem apresentar, cada um na sua vez, características dos bichos escolhidos, mas sem revelar os nomes deles. Os colegas então devem adivinhar quais são os animais.

2. Leia com as crianças o título do livro e, depois, estimule-os a lançar hipóteses sobre o que será lido. Pode-se estabelecer alguma relação entre a pergunta que compõe o título — Que bicho está no verso? — e o jogo realizado com os alunos? Peça à turma que folheie o livro, observando como se apresentam os textos e onde estão localizadas as ilustrações. Com base nessa observação, as crianças podem dizer qual é o significado da palavra “verso” no título? Como pode ser interpretado o título? Tem mais de um sentido? Chame a atenção das crianças para o duplo sentido da palavra “verso” no título do livro, porque pode significar tanto o verso da página quanto cada um dos versos que compõem o poema.



DURANTE A LEITURA


1. Antes de iniciarem a leitura das adivinhas, peça aos alunos que observem cuidadosamente a ilustração da página 4 e que, depois, comentem as diversas formas e cores ali presentes. Diga às crianças que essa ilustração apresenta partes de alguns animais e incentive-as a identificar cada um dos bichos que aparecem nessa imagem. Depois da exploração da leitura do livro, é importante pedir à turma que retome a observação dessa ilustração, identificando os bichos retratados ali. Esses animais pertencem a um mesmo habitat? Desempenham papéis diferentes na natureza?

2. Embora o livro trabalhe com diferentes animais, presentes nos mais diversos espaços, que característica comum a todos é enfocada nas adivinhas? Incentive os alunos a analisar atentamente as ilustrações e as adivinhas e leve-os a perceber que todos os textos apresentam particularidades dos animais relacionadas ao seu modo de se “vestir” e à sua aparência física.

3. Estimule as crianças a observar como o livro se organiza. É possível dizer que a obra foi montada como um jogo de adivinha? De que maneira o leitor pode participar desse “jogo”? Por que são adivinhas poéticas? Que elementos aproximam as adivinhas da poesia? Oriente os alunos para que percebam alguns aspectos da composição dos textos, como a disposição em versos e estrofes, a presença de rimas, a sonoridade, a quantidade de versos.

 

DEPOIS DA LEITURA

 

1. As adivinhas do livro Brincando de adivinhar, de Ricardo Azevedo tratam de variados temas. O diálogo com o livro de Adriano Messias pode ser feito com relação à forma e às características desses textos, uma vez que Ricardo Azevedo também apresenta adivinhas poéticas, as quais, na maioria dos casos, têm origem popular.

2. O artista italiano Giuseppe Arcimboldo (1527-1593) criou vários retratos usando flores, frutas, legumes, animais e objetos para fazer as composições como peças de um quebra-cabeça. É possível encontrar obras desse artista na Internet e também em muitos livros. Se possível, apresente às crianças algumas obras dele para que conheçam como esse pintor compôs suas pinturas. Depois, proponha aos alunos a criação de retratos como os de Arcimboldo, mas utilizando somente imagens ou desenhos de animais. Esse trabalho poderá ser feito com desenhos das próprias crianças ou com colagem de imagens recortadas de revistas. Se julgar interessante, organize um painel com todos os retratos criados pelas crianças.


Colaboração: Ana Cristina de Aguiar Bernardes e Elis Carrijo Guimarães


[ IMPRIMIR ]

 

[ SINOPSE ] [ BIOGRAFIA ] [ FICHA TÉCNICA ] [ PROPOSTA DE TRABALHO ]
[ HOME ]
Popostas de trabalho

Projeto Zepelim

Para descobrir o prazer da leitura